Reykjavík apresenta texto de Óbidos e de outras Cidades da Literatura da UNESCO

Para comemorar os 100 anos de independência da Islândia

182

A exposição de textos “Read the World [Ler o Mundo]”, em exibição na Câmara Municipal de Reykjavík, homenageia o centenário da Islândia como uma nação soberana.

Os textos foram escolhidos por dezanove cidades criativas da literatura da Unesco em todo o mundo, sendo um texto de cada cidade.

Todos os textos refletem sobre os temas da liberdade – seja de pensamento, mente ou discurso – independência, ou rebeldia.

A Cidade da Literatura de Reykjavík, da UNESCO, espera que a exposição incentive as pessoas a pensar sobre estas importantes questões e no seu significado para nós, como indivíduos e nações.

O evento também destaca a importância do diálogo intercultural e a contribuição inestimável de artistas estrangeiros e correntes culturais para a cultura, soberania e desenvolvimento islandês, passado e presente.

Óbidos, Cidade Criativa da Literatura, participa nesta exposição com um pequeno trecho do autor Luaty Beirão.

“Escrever, assim como ler, representou mais do que uma distração. Finalmente, ao cabo de 13 intermináveis dias de suplício, posso ler e escrever. Sem dúvida dois dos maiores prazeres que um preso pode ter.”
Luaty Beirão: Sou eu mais livre, então. Diário de um preso político angolano. Edições Tinta da China