Alunos da Letónia visitam Óbidos, integrados no Projeto “European Sweet Itineraries”

17 e 18 de novembro

454

A vila de Óbidos recebeu um grupo de alunos da Letónia, nos passados dias 17 e 18 de novembro, integrado no Projeto European Sweets Itineraries. Este projeto conta com a colaboração da Câmara Municipal de Óbidos e de 13 outros parceiros, não só de Portugal, mas também de Espanha, Itália e Letónia. O projeto visa desenvolver três passeios educativos na área da produção de doces e é direcionado a jovens com idades compreendidas entre os 17 e os 19 anos, provenientes de Escolas e Cursos de Hotelaria, Turismo e Restauração.

Em Óbidos, no dia 17 de novembro, o grupo participou num workshop organizado pela Oficina do Biscoito (Óbidos Lounge), onde aprendeu a confecionar doces, utilizando o licor de Ginja em todas as receitas. Os alunos tiveram oportunidade de provar biscoitos com pepitas de chocolate e ginja, bolo de chocolate com cobertura de mousse de chocolate e ginja e profiteroles com recheio de creme de pasteleiro com ginja.

A manhã do dia 18 de novembro esteve a cargo da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste, onde, para além de a comitiva ter participado numa aula sobre motivação de equipas, também se deparou com a complexidade técnica de uma Lampreia de Ovos. No final do dia, o Município de Óbidos proporcionou um momento cultural ao grupo, convidando-o a assistir ao concerto dedicado a Mozart, interpretado pela Orquestra Metropolitana de Lisboa, que teve lugar no Santuário do Senhor Jesus da Pedra.

Outras paragens neste roteiro contemplaram visitas e provas na Confeitaria Nacional, visita à Fábrica de Pastéis de Belém, visita a Sintra, onde degustaram as suas conhecidas Queijadas, visita à Pastelaria Alcoa (Alcobaça), visita à Mostra Internacional de Doces e Licores Conventuais de Alcobaça e ainda um workshop sobre Sericaia, em Évora.

Com estes itinerários educativos propostos, o projeto tem como objetivo formar jovens turistas e oferecer-lhes a possibilidade de melhorar os seus conhecimentos, aptidões e competências, úteis para o crescimento pessoal e profissional. Os países onde serão desenvolvidos os itinerários pretendem atrair jovens turistas de novos mercados potenciais (Letónia) e aumentar e envolver, cada vez mais, turistas dos mercados habituais.

Portugal, Espanha e Itália são bem conhecidos pela sua oferta turística e, por esta razão, o projeto pretende atrair os jovens, a fim de promover um turismo sustentável, pois regista-se atualmente um crescimento do Turismo Juvenil, sendo este um público-alvo que, por norma, regressa ao mesmo destino mais de uma vez. Este é um projeto financiado pelo Programa Europeu Cosme. A visita decorreu de 15 a 21 de novembro.

Press Release (pdf)