Óbidos celebra Dia Internacional dos Museus com várias atividades

Sob o mote "Os Museus como Centros Culturais: o futuro da tradição"

131

O Município de Óbidos associa-se ao Dia Internacional dos Museus, que se celebra no próximo dia 18 de Maio, assinalando a data, com uma programação especial, a partir do tema “Os Museus como Centros Culturais: o futuro da tradição”.

No entanto, em reforço, de modo a celebrar a efeméride, os Museus de Óbidos propõem para o dia 16 de Maio, as seguintes atividades:

A Viagem na Pintura: Descanso na Fuga para o Egipto, de Baltazar Gomes Figueira
Intervenções de Padre Ricardo Figueiredo e Nicolau Borges
15h00 – Local: Capela de Santo António, A-da-Gorda

Inauguração de Exposição e Visita Comentada:

O Paraíso Segundo José Maria, de João Ferreira
16h30 – Local: Casa José Saramago

Inauguração de Exposição: (a)Riscar o Património

Organização: Direção Geral do Património Cultural
17h15 – Local: Centro de Design de Interiores

Workshop: “Viagem ao Património Português”
Com Rita Jerónimo e Alberto Faria
Apoio: Editora 20|20
Público alvo: público em geral
Local: Museu Municipal de Óbidos
Inscrições: obidosvilaliteraria@cm-obidos.pt

Museu Municipal, para ver e descobrir a exposição “Expressão de Dor_arte em Óbidos”, uma leitura sobre a arte retabular residente nos espaços das igrejas de Óbidos e que passaram a integrar o discurso expositivo patente no Museu, descobrindo a simbólica do retábulo e a sua função ao longo da história que nos é proposta.

Na tradição, os Museus de Óbidos desempenham o papel de dar a conhecer obras de arte, autores e estilos artísticos, despertando para a importância da luz nas obras de arte, para o valor da obra exposta e do artista no contexto nacional e internacional, valorizando o património material e imaterial, despertando para a simbologia da obra.

Ao tradicionalismo conceptual assegura outras leituras e preocupações de reflexão sobre os paradigmas dos tempos que vivemos, permitindo uma introspeção e provocando o visitante a integrar no seu conceito de visita, outras abordagens que incorporam a importância de saber sobre a tradição – formas e formatos estabelecidos – num prospetivar do ” futuro”, que se inicia no momento “das novas leituras” das obras de arte.

O Dia Internacional dos Museus, cujo tema coincide com a Conferência Geral do Icom Kyoto 2019, dará início ao debate sobre o papel dos museus como centros culturais e o futuro da tradição a que nos queremos associar.

Press Release (pdf)