“Medicina Vai a Óbidos”, por estudantes da Universidade do Porto

De 8 a 14 de Setembro

128

De 8 a 14 de Setembro, mais de meia centena de estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto estarão em Óbidos, numa atividade intitulada “Medicina Vai”.

A iniciativa, promovida pela Associação de Estudantes (AEFMUP), em parceria com o programa Óbidos + Ativo da Câmara Municipal de Óbidos, conta já a sua 8ª edição e destina-se a pessoas de todas as idades, visando promover a saúde em todo o País, combater o desequilíbrio social e a falta de oportunidades.

Os jovens, na sua última semana de férias, irão realizar rastreios cardiovasculares gratuitos, ações de sensibilização sobre doenças sexualmente transmissíveis e iniciativas de envelhecimento ativo. Para além disso, a ação “Hospital dos Pequeninos” recria o ambiente hospitalar de uma forma ligeira, com consultas aos bonecos das crianças, de modo a desmistificar a relação com o médico e para que estas percam o “medo da bata branca”.

A preocupação com o ambiente começa também a ganhar raízes nesta atividade: este ano, pela primeira vez, serão plantadas cerca de 60 árvores no Parque da Vila. De seguida, os estudantes participarão na Caminhada do “Amigo Especial”.

Distribuídos pelas várias freguesias de Óbidos, os futuros doutores reconhecem a importância do contacto real com o que vai ser o seu dia-a-dia depois do curso, participando também nas consultas de apoio domiciliário do município, que carinhosamente «apelidam de Porta-a-Porta».

A vereadora Margarida Reis refere: “É uma iniciativa que se enquadra na estratégia do município na promoção de saúde e bem-estar. Vamos ter um concelho mais Ativo, com o envolvimento destes jovens, partilhando as suas iniciativas. Durante esta semana vão estar ao serviço da população e, simultaneamente, enriquecer a sua experiência enquanto futuros médicos. É um excelente contributo na área da Saúde.”

Cartaz

Press Release (pdf)