“385 dias de Amor” conta a história da pequena Maria Pilar

Pré-lançamento do livro na Casa José Saramago

543

Entre 4 de Setembro de 2017 e 24 de Setembro de 2018, Andreia Marques e David Tuñon Constantino, residentes no concelho de Óbidos, viveram com a filha, Maria Pilar, “385 dias de amor”. Este é título que escolheram para o livro que conta a história desta bebé especial e que vai ser lançado, oficialmente, no próximo dia 15, em Coimbra e em Óbidos, mas que terá o pré-lançamento hoje, dia 5 de Fevereiro, às 19 horas, na Casa José Saramago, em Óbidos. Esta é uma iniciativa no âmbito do Mês dos Afectos, que Óbidos celebra em Fevereiro.

Linfagiectasia Pulmonar Primária é o nome de uma doença, mas, também, a causa que levou Maria Pilar a travar a sua maior batalha e a derradeira luta que pôs termo à sua vida com apenas 385 dias. Diagnosticada com uma cardiopatia às 22 semanas de vida, Maria Pilar começaria, assim, uma árdua batalha entre a vida e a morte. Uma batalha que fez acreditar estar vencida quando, a 09 de Maio de 2018, depois de uma cirurgia ao coração, o problema tinha sido derrotado.

Mas a vida iria exigir-lhe mais do que isso, iria exigir-lhe a alma e o destino. Com várias recaídas, com vários internamentos, com várias intervenções, Maria Pilar começou a dar sinais de cansaço físico e a sua bravura transformou-se na maior missão de vida.

A 24 de Setembro de 2018, Maria Pilar adormeceu para a eternidade, deixando uma prova de resistência humana em todos os que, ao seu lado, moveram o mundo e as estrelas para que continuasse a brilhar. Partiu, mas o brilho continua… lá em cima, num céu imensamente azul e com um destino incontornável: manter a sua história viva, na vida de quem a amou e na vida de quem puder inspirar.

Em Abril de 2019, com o resultado da autópsia, foi revelada a Linfagiectasia Pulmonar Primária, patologia pulmonar cuja luta se mostrou desigual.

Este livro não fala de morte, fala sobre a vida de uma guerreira que conquistou a imortalidade, mesmo que, agora, a sua forma mais viva seja através desta obra. A vida pode adquirir formas incríveis de persistência, e a Maria Pilar, lá, onde esteja, voltou a permanecer e a lutar.

Cartaz

05feb7:00 tarde11:50 tarde“385 dias de Amor”LIVRO de Andreia Marques


15feb9:00 tarde11:50 tarde“385 dias de Amor”LIVRO de Andreia Marques