“Fazemos a diferença quando agimos em saúde” garante Margarida Reis

Município de Óbidos apresenta projectos na área da Saúde

414

Óbidos é o único concelho da Região Oeste que, nos últimos cinco anos, registou um aumento de população, contando actualmente com cerca de 11.850 habitantes. Estes são dados do perfil de Saúde do concelho de Óbidos, que foi apresentado ontem, 22 de Abril, no auditório Municipal da Casa da Música, no âmbito das iniciativas do Mês da Saúde, dinamizado pelo Município de Óbidos.

Teresa Carvalho, médica interna de saúde pública, que apresentou o Perfil de Saúde, revelou que a esperança média de vida e a população com mais de 65 anos aumentaram em Óbidos, concelho onde a obesidade e as patologias associadas são as que registam maior recurso a medicamentos.

O Perfil de Saúde do concelho de Óbidos foi apresentado pela Unidade de Saúde Local, com base em dados recolhidos a partir de registos do Instituto Nacional de Estatística (INE) e da empresa PorData e que ainda terão que ser avaliados.

Foi apresentado também um relatório referente a um estudo realizado pelo Gabinete de Nutrição do Município de Óbidos, ao longo de três anos, nos estabelecimentos escolares e Centros de Convívio do programa municipal “Melhor Idade”. Com este estudo foi caracterizado o perfil de saúde nutricional de parte da população, tendo os casos prioritários sido encaminhados para consultas de nutrição, ou encaminhados para a prática de exercício físico, de acordo com as necessidades.

Com este estudo, verificou-se uma diminuição da obesidade e excesso de peso. Foram acompanhadas nas consultas 87 crianças – 36 rapazes e 51 raparigas – do primeiro ciclo ao ensino secundário.

Margarida Reis, vereadora responsável pelo pelouro da Saúde e Bem-Estar, afirma que a “estratégia é apostar na Literacia em Saúde”, um processo “que permite que informação se transforme em conhecimento e que as atitudes se traduzam em comportamentos esclarecidos”.

A autarca entende que “promover a Literacia em Saúde pede que se seja criativo, mas consistente, que se tenham presentes as prioridades nacionais e regionais e pede também que se trabalhe com as entidades parceiras, com o envolvimento da comunidade, numa rede activa e activada”.

Em relação aos muitos projectos de Óbidos, Margarida Reis assegura que “não foi uma questão de moda, foi uma questão de necessidade”, acrescentando que, por isso, “foi criado um dos programas mais transversais do Município, o Óbidos +Activo”. “Fazemos a diferença quando agimos em saúde”, sublinha a vereadora, antes da apresentação de um conjunto de novas acções, algumas a desenvolver de imediato.

Projectos e estudos apresentados no âmbito do Mês da Saúde
– Perfil de Saúde do Concelho de Óbidos
– Estudo sobre nutrição nas escolas de Óbidos
– Academia da Mobilidade
– Vamos dançar como se ninguém nos visse…
– A minha saúde em imagens
– Mantinha da Amizade
– Os Poços do nosso concelho

Cartaz (pdf)