Município de Óbidos comemora dia Mundial do Ambiente

Dias 4 e 5 de Junho de 2021

119

No âmbito das comemorações do Dia Mundial do Ambiente, o Município de Óbidos, numa parceria com a Águas do Tejo Atlântico e ISPA, no âmbito do projeto “Peixes Nativos” apresentou nos dias 4 e 5 de junho o projeto de sensibilização e intervenção ambiental denominado “Preservação e Valorização dos Ecossistemas Aquáticos de Óbidos”.

No dia 4, ao final do dia iniciou-se o seminário com diversas comunicações online, divididas em dois painéis temáticos: “Perspetiva histórica da utilização dos recursos hídricos” e “Conservação da Biodiversidade e restauro de habitats”.

No dia 5 de junho, foi inaugurada a exposição “Ictiofauna nativa dos rios da região Oeste”, nas Piscinas Municipais de Óbidos e apresentado um vídeo sobre “Os peixes nativos do concelho de Óbidos”. Os painéis informativos criados pelo Projeto Peixes Nativos, coordenado pelo ISPA em parceria com a Águas do Tejo Atlântico, tiveram o apoio do Fundo Ambiental e pretendem dar a conhecer este importante grupo faunístico e sensibilizar os visitantes para a necessidade de implementar medidas que minimizem o seu atual risco de extinção. A exposição segue um percurso de itinerância por várias localidades do país, promovendo a literacia ambiental em matéria de preservação e valorização dos ecossistemas fluviais e da Biodiversidade a eles associada. Foram também expostos os trabalhos realizados pelos alunos e o docente da turma aderente do projeto Peixes Nativos (4º D) do Complexo Escolar do Alvito.

Seguiram-se as saídas de campo, que permitiram aos participantes ficar a conhecer não só alguns dos percursos da “Rede Municipal de Percursos Pedestres de Óbidos” ligados a ecossistemas aquáticos, como também a biodiversidade da região, nomeadamente através de uma sessão prática, com amostragem através de pesca elétrica, junto à Barragem do rio Arnóia, dinamizada pelo Projeto Peixes Nativos, momento alto do dia, tendo a manhã terminado com uma caminhada junto à lagoa de Óbidos para observação de da avifauna aquática e da vegetação existente, que contou com o apoio da Associação PATO e da junta de freguesia local.

“Foram dois dias intensos que contaram com a presença de meia centena de participantes, na sua maioria munícipes, que ficaram a conhecer a história e a biodiversidade dos rios do seu concelho e da lagoa de Óbidos”, afirmou a vereadora Margarida reis, responsável pela iniciativa, sublinhando que “este seminário fortalece e incentiva a novas práticas de âmbito ambiental”.

Galeria de fotos