“Foi muito bom voltar a ver as ruas de Óbidos cheias de visitantes”

Festival Internacional de Chocolate de Óbidos volta a surpreender

721

Cerca de 30 mil visitantes passaram, no passado fim-de-semana, de 25 a 27 de Março, pelo Festival Internacional de Chocolate de Óbidos. Os números são avançados pela organização, que prevê novo sucesso a 1, 2 e 3 de Abril, os últimos três dias do evento mais doce do País.

Segundo o administrador da empresa municipal Óbidos Criativa, que organiza o evento, “o primeiro fim-de-semana do Festival Internacional de Chocolate de Óbidos superou todos os objetivos”. Ricardo Duque afirma que, “numa ocasião onde o elevado preço dos combustíveis se tem feito notar, Óbidos, durante sábado e domingo, esteve muito próximo de atingir a sua capacidade de carga, o que reflete a vontade que as pessoas têm de sair, assim como da qualidade do nosso evento”.

“Todos os indicadores apontam para que, caso o tempo o proporcione, a afluência ao evento seja superior em cerca de 30 por cento”, adianta Ricardo Duque, sublinhando que “esta edição, marcada pelo aniversário dos 20 anos do chocolate, trouxe um conjunto de novidades que surpreenderam muito os nossos visitantes”. “Na fábrica do Chocolate, uma das grandes âncoras deste festival, foram feitas cerca de 10 mil tabletes”, sendo “uma experiência em família que fez a delícia dos mais gulosos”, conclui.

Uma ideia partilhada pelo presidente da Câmara Municipal de Óbidos, que salienta a “visível satisfação daqueles que nos visitaram, assim como a corrida do chocolate, apadrinhada pelo atleta olímpico Pedro Pichardo, tendo sido mais um momento alto do fim-de-semana do Festival Internacional de Chocolate de Óbidos”. Para Filipe Daniel, “foi muito bom voltar a ver as ruas de Óbidos cheias de visitantes, onde a comunicação social voltou também a estar presente na cobertura do evento, o que demonstra a sua importância no panorama nacional e internacional”. “Óbidos volta a ser notícia pelas melhores razões”, frisou o autarca.

O Festival Internacional de Chocolate de Óbidos tem a curadoria de Francisco Siopa, chef executivo no Penha Longa Hotel, que operou uma renovação do festival, que se apresenta com novos espaços, novas propostas e as mais avançadas e recentes técnicas de trabalhar o cacau e as suas potencialidades. As esculturas de chocolate, este ano dedicadas aos loucos anos 20, são da autoria da equipa liderada pelo chef brasileiro Abner Ivan.

O evento, que este ano deixa a Cerca do Castelo e se distribui por diversos locais da vila de Óbidos, tem à disposição dos visitantes oficinas, showcookings, animação musical, filmes, histórias, bebidas, exposições, moda, esculturas ao vivo, cujo programa deste ano que pode ser consultado em obidos.pt. As portas estão abertas das 11 às 23 horas na sexta-feira e sábado, e das 11 às 20 horas no domingo.

Galeria de fotos (Facebook)