Óbidos oferece 400 vacinas da gripe a munícipes com mais de 65 anos

Parceria entre o Município de Óbidos e associação Dignitude

257

Os munícipes do concelho de Óbidos, com mais de 65 anos, têm, a partir de agora, acesso à vacina da gripe de forma gratuita. Trata-se de uma iniciativa da Câmara Municipal de Óbidos, que, em parceria com a associação Dignitude, vai disponibilizar 400 doses da vacina da gripe aos munícipes seniores do concelho, num apoio ao Programa Nacional de Vacinação.

José Pereira, vereador com o Pelouro da Ação Social, explica que o protocolo, assinado no passado dia 16 de Outubro, em reunião de Câmara, com a associação Dignitude, “vai permitir aos munícipes com mais de 65 anos aceder à vacina da gripe nas farmácias do concelho aderentes nesta parceria”. O autarca revela que “não é necessária receita médica”, sublinhando que “a vacina é gratuita”. “Basta ser munícipe e fazer a marcação prévia na respetiva farmácia para tomar a vacina”, afirma, realçando que “se pretende fazer uma maior cobertura de vacinação contra a gripe, no menor espaço de tempo possível”.

Estima-se que o concelho de Óbidos tenha cerca de duas mil pessoas com mais de 65 anos, sendo que o Serviço Nacional de Saúde cobre 50 por cento desse número. “Nesta fase, que é a segunda, o que estamos a fazer é, com as 400 vacinas, tentar cobrir o maior número de pessoas, uma vez que, em plena pandemia, há que ter cuidados redobrados com a gripe e outras doenças respiratórias”, declara José Pereira. O autarca afirma que o investimento municipal nesta iniciativa é de cerca de 900 euros.

Recorde-se que a campanha de vacinação do Serviço Nacional de Saúde arrancou em 28 de Setembro, com uma primeira fase, que incluiu apenas as faixas da população consideradas prioritárias, como residentes em lares de idosos, grávidas e profissionais de saúde e do sector social que prestam cuidados.

Na segunda fase, que se iniciou ontem, 19 de Outubro, a vacina passa a ser também administrada a outros grupos de risco: pessoas com 65 ou mais anos e pessoas com doenças crónicas, em todo o território do concelho.

Press Release (pdf)